Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background

Na semana passada, o Conselho Municipal de Comércio Exterior de Uruguaiana – COMUCEX, se reuniu nas dependências do Sindicato dos Despachantes Aduaneiros do Estado do Rio Grande do Sul – SDAERGS, para tratar sobre as principais demandas do setor na atualidade. A ABTI, como entidade representativa do setor privado, é integrante do Conselho juntamente com outras oito entidades e/ou associações da sociedade civil, e nove representantes de órgãos públicos. Após recebimento da ata da reunião, a Associação expõe abaixo o que foi tratado.

Além da aprovação do regimento interno do Comucex e da agenda para as próximas reuniões, foram abordados os seguintes temas:

  • Recomendações relativas aos procedimentos organizacionais;
  • Explanação sobre o funcionamento dos trâmites de importação e exportação aos demais conselheiros;
  • Demora na liberação de autorizações de ingresso, desembaraço e saída das exportações;
  • Propostas de possíveis ações para na busca de maior agilização.

Foram relatados problemas nos processos de liberação das cargas e a falta de fluidez das operações do Porto Seco Rodoviário de Uruguaiana, na busca por possíveis ações que possam auxiliar na agilização. Entre as sugestões foi abordada a importância da presença da segurança pública, principalmente, quando há formação de grandes de filas. Aproveitando a oportunidade, foi comunicado pela SEMUDE que já foi aberto o processo licitatório para construção do prédio da UPPM - Unidade Policial de Patrulhamento Municipal, que será instalada nas proximidades do PSR/URA.

Segundo os representantes do Conselho que são ligados diretamente ao processo de importação e exportação, as longas filas por conta das demoras nas liberações causam aumento de custos para toda a cadeia logística. Contudo, foi ressaltado que a maior parte desse tempo de espera se dá por conta dos processos do setor privado, necessitando urgentemente o engajamento e compromisso de todos os envolvidos para que o fluxo do sistema volte a funcionar normalmente.

Na oportunidade também foram mencionados os dois trabalhos de TRS (Time Release Study), um já finalizado e outro em desenvolvimento, que apontam possíveis melhorias para aplicação no PSR/URA. Algumas mudanças já foram postas em prática, os presentes irão avaliar para a próxima reunião que deverá acontecer na segunda semana de junho.

Rua General Bento Martins, 2350
Uruguaiana - RS - Brasil
Cep: 97501-546
abti@abti.org.br

logoBoto

Siga-nos

face twitter in

+55 55 3413.2828
+55 55 3413.1792
+55 55 3413.2258
+55 55 3413.2004